Hoje é Dia do Animal de Estimação

Os animais são companheiros de vida de mais de metade da população. Partilham não só o espaço como também as emoções e os afetos.

É de conhecimento geral que os animais podem ser terapêuticos e ajudar a tratar muitas perturbações, muitas delas psicológicas. Na verdade, ter um animal de estimação pode revelar ser algo muito benéfico para os seus donos que, além de terem um amigo incondicional, obtém ainda melhorias na sua qualidade de vida.

Quais são os benefícios de ter um animal de estimação?

Há muito boas razões para adotar um animal de estimação em casa. Do exercício físico a que obriga, como é o caso dos cães, ao ritmo que qualquer animal impõe (pois mesmo que seja muito passivo terá sempre de ser cuidado), a convivência com um animal faz sobressair em cada um as suas características mais humanas, as mais relacionadas com o altruísmo e, claro, com o amor incondicional.

Podemos enumerar algumas das vantagens de ter um animal de estimação:

1.       Obriga à prática de exercício físico

Especialmente no caso dos cães, é imprescindível sair com alguns animais para que estes façam exercício e, nalguns casos, as suas necessidades.

Assim, ter um animal pode obrigar à prática de exercício na rua mas também em casa, quando se trata de brincar com alguns dos brinquedos preferidos destes amigos.

Assim, ao mesmo tempo que está a desfrutar da companhia do seu animal de estimação, está a fazer o seu coração trabalhar, a combater o sedentarismo, a obesidade e tantas outras doenças provenientes da falta de exercício.

2.       Ajuda a socializar

É um ponto que pode ou não ser uma consequência do anterior. Pode na medida em que se podem fazer muitos amigos humanos ao passear um animal de estimação. Por outro lado, muitas vezes falar de um animal de estimação pode ser uma excelente forma de quebrar o gelo e começar relações mais profundas em eventos sociais, por exemplo.

3.       Fortalece a saúde emocional

Vários estudos comprovam que as pessoas que têm animais de estimação se tornaram mais resilientes e reagem melhor à frustração. São, em geral, pessoas menos preocupadas e que encaram a vida de uma forma otimista. Mais ainda, as pessoas que têm um animal sentem-se muito melhor quando, numa situação de crise, podem ter o consolo do seu bicho.

Pessoas com animais de estimação sentem-se menos sozinhas, enfrentam melhor as mudanças no dia-a-dia e são mais autoconfiantes, pelo que podemos falar de uma melhoria na autoestima.

4.       Baixa os níveis de stress

Existem diversos estudos que corroboram a hipótese de que ter um animal de estimação ajuda a diminuir o stress.

5.       Oferece um sentimento de utilidade

O sentimento de que alguém precisa de nós é uma das vantagens menos óbvias de ter um animal de estimação. Na verdade, ser responsável por um animal faz com que a pessoa vivencie um sentimento de ser útil, revelando do mesmo modo a felicidade de cuidar de alguém sem esperar nada em troca.

6.       Combate as alergias

Crianças que, durante o seu primeiro ano de vida, conviveram com animais têm menos tendência a sofrer de alergias mais tarde. Este facto relaciona-se com a exposição a organismos estranhos com que os bebés possam ter contacto ao brincarem com a sua mascote.

7.       Os animais ensinam os seus donos a viver o aqui e o agora.

E esta é uma grande lição de vida: experenciar o momento presente, vivem a 100% o que está a acontecer neste momento, sem preocupações nem preconceitos.

8.       Impõe um ritmo diário

Ter um animal de estimação obriga a pessoa a manter o ritmo de refeições, passeios, higiene e brincadeiras que não pode ser drasticamente alterado. Mais uma vez, esta imposição está intrinsecamente ligada ao sentimento de utilidade de que falámos anteriormente.

Como nem todos os animais de estimação são iguais, nem tão pouco as vidas de cada um, se optar por ter um amigo animal não se esqueça de avaliar bem as condições que tem e tentar encontrar um equilíbrio entre a sua vida e a do animal.

Fonte: https://www.mundopsicologos.pt/